» » O Filho do Mundo




Criancinha de roupa rasgada
Que soluça no frio do chão
Quantas vezes você adormece
Desejando um pedaço de pão
O motivo da sua existência
É difícil a gente entender
Porque existe um castigo tão grande
Para quem não pediu pra nascer

Quem será essa pobre criança
Que não tem um colchão pra dormir
Pobrezinha, está sempre triste
Pois ninguém lhe ensinou a sorrir
Ninguém sabe de onde ela veio,
Ninguém sabe pra onde ela vai
Nunca teve carinho de mãe,
Nunca teve um abraço de pai

Ante a lei ela nem mesmo existe
Nos registros não consta seu nome
Mas está nos arquivos do mundo
A criança que chora de fome
Deve haver um profundo mistério
Que permite um filho nascer
Da mulher que não sabe ser mãe
E de um pai que não cumpre o dever

Quem será essa pobre criança
Que não tem um colchão pra dormir
Pobrezinha, está sempre triste
Pois ninguém lhe ensinou a sorrir
Ninguém sabe de onde ela veio,
Ninguém sabe pra onde ela vai
Nunca teve carinho de mãe,
Nunca teve um abraço de pai


Composição: Ronaldo Adriano/Marrequinho


Sobre Edmilson Aparecido

Edmilson Aparecido é autor de diversos livros sobre vários assuntos: Religião, Auto Ajuda, Motivação. Escreve artigos para diversos sites, blogs, revistas e jornais. Como comunicador já apresentou diversos programas no Rádio. É compositor de várias músicas. Também é o criador da personagem Érika e Seus Amigos
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe Seu Comentário

Instagram

Fonte de Água Viva

Anti drogas

Curta Nossa Página